O abandono que não se esquece – Parte II

Neste artigo vou continuar abordando as possíveis causas que fazem com que nos sintamos abandonados. Lembrando que, quando sofremos de maneira desproporcional diante de um abandono quando adultos, muito provavelmente já o conhecemos desde muito cedo. Imagine uma criança que não é aceita, ou seja, é rejeitada no seu jeito de olhar, expressar, falar, comer,…

Continue Reading →

O abandono que não se esquece – Parte I

Quantas vezes, ainda que na presença de alguém, nos sentimos sozinhos e abandonados? Quantas vezes, diante de um atraso, sentimos verdadeiro pânico? Quantas vezes nos desesperamos diante da possibilidade da pessoa amada nos deixar? Quantas vezes buscamos motivos, sem perceber, para terminar um relacionamento, por puro pavor de ser abandonado? Por que será que algumas…

Continue Reading →

Page 2 of 2