CRIANÇA DE MALA_800PX

10 Dicas para reencontrar sua criança interior

Para curar nossas emoções intoxicadas pela vergonha, temos de sair do esconderijo, enfrentar as defesas, as máscaras e confiar em alguém. Sua criança ferida precisa também de um aliado que não a envergonhe e que lhe apoie para testemunhar o abandono, a negligência, o abuso e a confusão. Para curar suas feridas é necessário que…

Continue Reading →

foto post conflitos emocionais_800px

A doença como expressão da alma

  “… o homem é capaz de atingir sua totalidade, isto é, de que pode curar-se” (Jung)   Quando nos encontramos doentes ou quando uma pessoa querida adoece gravemente, inicialmente tendemos a nos revoltar e nos perguntar: “Por quê?” As doenças e seus sintomas devem ser tratados por profissionais, mas não podemos nos esquecer da…

Continue Reading →

ABUSO SEXUAL_800PX

O abuso sexual e a dor silenciada

“Não são os traumas que sofremos na infância que nos tornam emocionalmente doentes, mas sim a incapacidade de expressá-los” (Alice Miller)   Por mais que se fale nos dias de hoje sobre o assunto, o fato é que quem sofreu abuso sexual na infância sente muita dificuldade em falar sobre o que aconteceu. Lidar com…

Continue Reading →

FOTO ABUSO EMOCIONAL_800px

Entenda o abuso emocional e as sequelas na vida adulta

Você reconhece o abuso que sofreu na infância e o impacto na vida adulta? No consultório recebo muitas pessoas com as mais diversas queixas, e com seus respectivos sintomas físicos e/ou emocionais. Isso me levou a estudar cada vez mais as possíveis origens dessas queixas. Ao explorar a infância e a adolescência, principalmente os primeiros…

Continue Reading →

repetição-padrão2

Por que repetimos os mesmos padrões nos relacionamentos?

  “Aprendemos nossos sistemas de crenças ainda pequenos, e depois vamos pela vida, criando experiências que combinem com essas crenças”    Todos nós temos a tendência de repetir padrões de comportamentos em nossos relacionamentos, e estes se intensificam principalmente nos relacionamentos afetivos. Por mais amor que tenhamos recebido ou não, durante a infância, inconscientemente estamos…

Continue Reading →

Sad little girl_800px

Entenda porque seus problemas podem ter origem na sua infância

“Se não vejo na criança, uma criança, é porque alguém a violentou antes; e o que vejo é o que sobrou de tudo o que lhe foi tirado”(Herbert de Souza – Betinho)  Em meu consultório atendo adultos vítimas de abusos na infância. Meu objetivo aqui é compartilhar o conhecimento que adquiri pela literatura e experiência…

Continue Reading →

o-woman-crying-facebook_800px

Você consegue chorar?

Já percebemos que a repressão das emoções, seja qual for, é extremamente maléfica para o organismo e devemos evitá-la. As mulheres expressam mais o que sentem, enquanto os homens, em razão da educação que institui que “homem não chora”, acabam reprimindo muito mais o que sentem. Um homem de negócios, um político, ou seu marido,…

Continue Reading →

complexo_inferior_793px

Uma importante mensagem sobre o complexo de inferioridade

Uma das queixas mais comuns das pessoas são os conflitos internos e os atritos nos relacionamentos, ambos causados pelo sentimento de inferioridade. Quantas pessoas se sentem inferiores aos seus colegas de trabalho? Não buscam uma promoção por não se sentirem capazes? Não terminam um relacionamento destrutivo por acreditarem que não conseguirão alguém melhor? Estão sempre…

Continue Reading →

Post_Rose_800px

Os 23 mitos e verdades sobre autoestima

“As pessoas procuram amor em todos os lugares, menos dentro delas mesmas” Como está sua autoestima? Pare um minuto e pense quantas oportunidades perdeu porque acreditou que não conseguiria? A vida de quem não acredita em si mesmo é assim: medo, dúvida, vergonha, frustração, insegurança, culpa, insatisfação e confiança zero. Quando não nos sentimos capazes é…

Continue Reading →

Foto Abandono 1 tamanho certo

O abandono que não se esquece – Parte III

Para continuar e finalizar o assunto sobre abandono quero compartilhar outro fator que gera essa sensação: quando a criança vive em famílias numerosas, com muitos irmãos, e os pais não conseguem dar atenção a todos. Ou havendo apenas dois irmãos, por exemplo, quando o outro necessita de cuidados médicos constantes, e consequentemente mais atenção, fará…

Continue Reading →

Page 1 of 2